terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Sutileza Feminina

Martinha há muito esperava por esse final de semana, uma espera dolorosa onde a ansiedade a consumia lentamente. Ia rolar O Evento do ano, A Festa à fantasia na mansão do Pompeu e o super lindo do Tiaguinho ia estar lá, finalmente as coisas poderiam começar a dar certo pra ela... mas antes de qualquer coisa começar a dar certo com o lindo do Tiaguinho, ela tinha de começar a se produzir.

Para Martinha, mais doloroso que a esperar pela tal Festa do Pompeu, foi o processo de se preparar para o tal. Sabe como é, fantasias ultra sensuais, gatos sarados e sem camiseta, batidão rolando solto... Se Martinha quiser chamar a atenção, ela terá de que colocar uma fantasia bem provocante, algo comportadamente sensual, algo onde ela poderia mostrar toda sua formosura sem ser chamada de puta, afinal, com certeza aquela biscate da Jenifer vai fazer isso. Bem, bom pros homens, afinal, quanto mais garotas com fantasias indecentes, melhor.

Dá-se então início ao processo de produção para a festa: alisa daqui, raspa da li, corta acolá, pinta lá em riba e descolore praquelas bandas de lá. Este é um doloroso processo no qual mais se assemelha a um ritual, uma vez que o mesmo é executado várias vezes ao longo do mundo e no decorrer do tempo, exceto, talvez, durante a década de 70...

Como toda religião, seita, ritual e coisas afins, pra esse, também existe um certo fanatismo. Não basta alisar, cortar, tingir, descolorir, pintar, rabiscar e essas coisas todas, tem de ousar, é preciso ir além... o rito da beleza é algo que se aprofunda em mistérios dolorosos, onde somente as seguidoras mais xiitas se aprofundam. Estamos aqui falando da depilação.

Novamente, seguindo a analogia da religião, aqui também existem as beatas que ficam em casa onde interpreta os mistérios da fé da forma quem bem convém e têm aquelas que vão ao templo para buscar e renovar a sua fé.

Martinha se enquadrava na segunda categoria descrita no parágrafo anterior, e já sabendo da importância dos acontecimentos do fim de semana, havia marcado um horário na mesquita, digo, na Casa de Depilação Raspadinha Premiada e depois de alisar daqui, raspar da li, cortar acolá, pintar lá em riba e descolorir praquelas bandas de lá, ela foi ao rito de sacrifício.

Chegando lá na Raspadinha, Geruza, uma mulher de 1,75m, 99kg de pura sedução, braços que mais pareciam duas toras de jequitibá, coxas de dar inveja ao jogador de futebol Roberto Carlos, morena cor de jambo e com um cabelo parecido com o do Blade (clica no nome do sujeito pra ver a foto dele se vc nao se lembra quem ele é...), lhe atendeu muito solicitamente e perguntou o que Martinha desejava.

Martinha analisou o menu com as opções de depilações disponíveis, em que a que mais lhe divertiu era uma que fazia menção ao bigodinho do Hitler. Optou pela opção de módulo livre, já adiantou que o fim de semana seria especial e que ela queria serviço completo, pediu para Gegê (apelido carinhoso da Geruza).

"Gê, a parada é a seguinte, eu quero A-R-R-A-S-A-R nesse fim de semana, vai ter uma festa à fantasia lá na Mansão do Pompeu, na Rua dos Marajás, então pode depilar, depila mesmo, quero q vc faça o contorno, retorno, acostamento, balão, tesourinha e inclusive o olho que nada vê".

Martinha deitou-se no altar de sacrifício. Finalmente o processo iria se iniciar e Geruza, novamente muito solícita, já foi direto ao ponto, de forma avassaladora e um tanto quanto voraz, quando Martinha, muito espantada com a ausência de sutileza de Geruza, pegou e falou:

- Mas já indo praí, assim tão depressa, danadinha? não vai nem pegar no meu peitinho primeiro, me chamar pra jantar, ou sei lá, me pagar um drink?

Mas na verdade, muito mais sutil do que a volúpia de Geruza, o comentário de Martinha, ou mesmo o processo de azaração entre Martinha e Tiaguinho na tão aguardada festa (lembra do Tiaguinho?! é... o cara do 1° parágrafo... ele é a razão de toda essa história, isto é, pelo menos pra Martinha...), foi o fato de Geruza também ter aparecido na festa, afinal, Martinha tinha falado tanto da festa, (tanto mesmo, até o endereço) que ela decidiu que teria de aparecer... Geruza, mulher discreta e muito requinte, quase passou despercebida na festa. Quase, não fosse por um click inesperado que acabou flagrando a nossa depiladora sensual.

ficou com vontade de ver a tal foto? então clique Aqui

4 comentários:

Tamy, A Ruivinha disse...

hoahiahoiahoiahioahaoihaoihaoi


seu besta! :P

Ana disse...

ahieuhaiuehaiuehaiuhe!
quem andou dando aulas de depilação pra vc? =p

Isabel Mustaine disse...

puuuuuuuutz! UAHEOEAHEOAUEUO eu pensando que a Geruza era oTiaguinho poxa vida! hAEUOEAO
sacanagem e.e~
mas faço a mesma pergunta que a mina ai de cima "quem andou dando aulas de depilação pra vc?"

AOEUHOUAEEHUO

»«Dédi»« disse...

HUIAHIAUHIAUIAUHIAUHIUAIUAIUAUAIIUAHIUAHUIAUIAAIUAHIUAHIAUHA

PUTA MERDA! HUAIhaIUAHIAHIAHIUAH

aposto que a Geruza ficou com ciúmes e foi atrás da Martinha na festa..